19 maio, 2010

IMPOSTOS PARA MORTOS-VIVOS!

Salários isentos de IRS pagam nova taxa de 1% - Subsídios de férias pagos após 1 de Julho também deverão sofrer corte por via da retenção na fonte

O agravamento da taxa de IRS (1% até ao 3º escalão de IRS e de 1,5% a partir do 4º escalão) terá efeitos retroactivos e não será apenas aplicada só a partir do dia 1 de Junho

Resumindo:
Todo e qualquer trabalhador efectivo que tenha a infelicidade de ver o seu contrato terminado, por parte da entidade patronal, porque a empresa simplesmente fecha portas, que receba a indemnização (de acordo com fórmula prevista na Lei) referente aos anos de trabalho, vai ser penalizado a todos os níveis (fica no desemprego logo sujeito aos efeitos secundários do mesmo e ainda tem de contribuir na engorda dos cofres do Estado).
Bom, a banca decerto até devia agradecer quer às empresas, que fecham por inviabilidade, como aos trabalhadores efectivos que ao serem despedidos têm a "sorte" de receber indemnizações acabando por depositá-las no banco.

Boa querem que vos aplauda? ou congelo para aplaudir quando cairmos na banca rota?
Este tipo de tácticas em nada contribuem para uma Sociedade Humana saudável e justa.

Estes senhores estão simplesmente a colocar um penso na chaga propositadamente infligida na população portuguesa por abusadores e usurpadores do erário público que "fizeram a festa, mandaram os foguetes e apanharam as canas" e lamberam os dedos com dinheiro que não lhes pertencia, agora como o dinheiro não existe, o que resta? NADA... porque nós população portuguesa desempregada e precária somos NADA para certos labregos que acham que sabem o que é uma pérola e que se aperceberam há longa data que o povo Português é um excelente e manso rebanho (até agora!) espezinhado por reles impostores...

«... O Governo quer reduzir o défice para 7,3% este ano e para 4,6% em 2011. Em Conselho de Ministros aprovou um conjunto de medidas adicionais ao PEC 2010-2013 que vão estar em vigor até ao próximo ano...»
O QUE É QUE EU E OS MEUS TEMOS A VER COM ISSO?
SIM, uma família em que um elemento está desempregado porque o contrato não foi renovado, o filho mais velho estagiando numa empresa e que já sabe de antemão que não vai ficar com o emprego (é moda!); outro elemento demitiu-se (logo não tem direito a subsidio de desemprego) por não aguentar tanta falta de respeito por parte da entidade patronal; outro que estava efectivo e em breve cairá no desemprego porque a empresa vai fechar; dois outros estão reformados por velhice; restam duas crianças menores estudantes... QUE MUNDO É ESTE? ACHAM QUE TEMOS DE PAGAR AINDA MAIS?????? IVA????

Sem comentários:

Enviar um comentário

Bem vindo quem venha por bem e saudações especiais aos críticos construtivos.