09 setembro, 2011

A "Revolução das Estátuas", em honra a Viriato.


«Os Lusitanos homenageavam Viriato com os títulos de Benfeitor, ... e Salvador,... Ele foi descrito como um homem que seguia os princípios da honestidade e trato justo e foi reconhecido por ser exacto e fiel à sua palavra...»
«... Lusitânia: "A mais poderosa das nações da Península Ibérica, a que, entre todas, por mais tempo deteve as armas romanas". Todavia, tão-pouco podiam os Romanos contar com a submissão dos povos da Península Ibérica que se viram forçados a manter o país em rigorosa ocupação militar, e daí provieram os primeiros exércitos permanentes de Roma. Quarenta mil homens se mantiveram na Península Ibérica em permanente guarda...»
«... o general romano Sérgio Galba quase dizima os lusitanos, e Viriato foi um dos que escaparam...»
«... Roma chega a pactuar com Viriato, quase reconhecendo como soberano, porém, à traição, compactuou com três de seus aliados para que o assassinassem...»
in, Wikipédia, a enciclopédia livre. 



"O castigo para aquele que não se envolve em política é de ser governado por seus inferiores." 
Platão  




Declaración Universal de los Derechos Humanos: 
«Todo el mundo posee legítimo derecho a toda forma de Arte y Culturas, sin importar si puede pagarlo o no. La sociedad debe articular formas justas de remunerar a quienes crean el Arte. Compartir es bueno».
Jaume d'Urgell



Lá por sermos um povo pacífico, que respeita todos os antepassados que deram um grande contributo à História de Portugal (por mais crises e recessões, etc. que tenhamos tido ao longo de séculos), não significa que nos esquecemos do  grande guerreiro Lusitano, Viriato .

Tudo isto para dizer que como nos tornámos pacíficos e civilizados e já não somos guerreiros a correr com determinada gente sempre podemos utilizar a inteligência estratégica e irmos todos em peso fazer também de estátuas vivas no "Festival de Estátuas Vivas" que vai decorrer em Tomar de 9 a 11 de Setembro de 2011, o tema é "De Viriato ao 25 de Abril”

37 estátuas estão garantidas pelo programa, agora só falta o resto das estátuas vivas pacificas Portuguesas, qui ça Portugal entrará para o Guinness World Records como o País com mais gente imóvel, poderemos chamar os dias da "Revolução das Estátuas” e dedicá-la a Viriato.

Encaixa na perfeição, tem a ver connosco é como o pastel de nata, só que em vez de irmos para lá "comermos nos cornos" (como acontece em outros países que se estão revoltando) ficamos imóveis como estátuas e dedicamos esses dias ao grande Viriato que foi morto à traição.

Ao fim ao cabo o que simbolizará uma revolução destas?
- Que os Portugueses (e não só!) estão sendo traídos.

Vem mesmo a calhar, o que acham?

Passem a mensagem todos os seus amigos e conhecidos, grupos, etc.

Acredito que se levado a sério ficará nos Anais.

---------------------------------------------------------------------------------------




Sem comentários:

Enviar um comentário

Bem vindo quem venha por bem e saudações especiais aos críticos construtivos.